Agrestina comemora 88 anos no fim de semana com desfiles e shows

Já está tudo pronto para mais uma comemoração da emancipação política de Agrestina. A Prefeitura realizará no dia 10 de setembro, às 14h, o desfile cívico com todas as escolas do município e no dia 11, apresenta uma programação mais extensa. Isso porque, no domingo, completam-se exatos 88 anos desde a emancipação. Para esta data estão marcados a alvorada às 6h, o hasteamento das bandeiras em frente à Câmara de Vereadores, às 8h e o desfile cívico-militar a partir das 14h.
(Foto: Adriano Monteiro)
(Foto: Adriano Monteiro)
Este ano, o desfile contará com as presenças da Polícia Militar, Polícia Rodoviária Federal, Guarda Civil de Agrestina e as Banda Musicais da PM e do Exército Brasileiro. O encerramento será com a música de Márcia Felipe e Virados do Forró em shows gratuitos, a partir das 21h, na Rua Coronel João Guilherme. Já os desfiles ocorrerão na Rua Cônego Júlio Cabral. A emancipação política de Agrestina é uma realização da Prefeitura, através das Secretarias de Cultura, Turismo e Juventude e de Educação e Esportes.
(Foto: Adriano Monteiro)
(Foto: Adriano Monteiro)
 
HISTÓRIA – Em 1884, na região onde hoje está localizada Agrestina existia uma fazenda que já servia de refúgio para quem passava por aqui em longas viagens. Os sertanejos passavam pela localidade para saciar a sede e, por isso, deram ao lugar o nome de bebedouro. Poucas pessoas sabem, mas a cidade foi emancipada em 1928 com esse nome e só passou a se chamar Agrestina bem depois, em 1943.
O hino de Agrestina, intitulado ‘Agrestina, meu universo’ foi composto por José Ferreira da silva, o zé caroba, e em quatro estrofes evidencia as belezas e riquezas a cidade, peculiaridades do povo e o histórico do lugar. Já a bandeira foi escolhida em 11 de setembro de 1980, através de um concurso entre os alunos das escolas da cidade. O vencedor foi Nicodemos José Torres, conhecido como Táta da Compesa, na época, aluno da 7ª série da escola estadual professor José Constantino. A faixa branca representa a firmeza e a integridade do povo agrestinense, o poço é o símbolo da origem e as estrelas os distritos. O branco significa a paz, a firmeza e a integridade e o azul a formosura e a lealdade. Outra figura ilustre da história de Agrestina é José Emiliano de melo Júnior. Ele desenhou o brasão da cidade, com símbolos comuns ao município, extraídos da história e da geografia do local. No brasão de Agrestina vê-se o rio, o bebedouro e plantas de feijão e milho.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s