Edital do V Prêmio Pernambuco de Literatura é lançado

O Governo de Pernambuco, por meio da Secretaria de Cultura, Fundarpe, em parceria com a Cepe Editora, lança o V Prêmio Pernambuco de Literatura. O objetivo é fomentar a produção literária em todas as macrorregiões de Pernambuco por meio de uma política editorial que visa democratizar o acesso ao livro e à leitura, e apresentar-se como uma estratégia de promover a distribuição e circulação da literatura contemporânea pernambucana, aliando-se a outras atividades de fruição e formação de público leitor desenvolvidas pelo sistema Secult-PE/Fundarpe.

premio

Pernambucanos natos ou que comprovem residência no estado poderão inscrever uma obra, no período de 6 de outubro a 15 de dezembro, exclusivamente por meio eletrônico, através do e-mail premiopernambuco@gmail.com. Serão selecionados e premiados livros inéditos, nos gêneros conto, poema ou romance, escritos em língua portuguesa, de escritores e escritoras residentes nas quatro macrorregiões do Estado, a saber: Região Metropolitana, Zona da Mata, Agreste e Sertão. Por inédito, o edital considera o original não publicado em formato de livro (físico ou digital) até a divulgação do resultado e entrega dos prêmios aos vencedores. É permitido que parte do conteúdo da obra inscrita tenha sido publicado em blogs, sites, redes sociais e afins.

“Ano passado, com as inscrições online, já tivemos um número recorde de obras concorrendo. Este ano, com a antecipação das datas de inscrição, a expectativa é de aumentar ainda mais a participação dos escritores e escritoras, porque o período do fim de ano é sempre conturbado”, avalia o coordenador de literatura da Secult, Wellington de Melo.

O Prêmio Pernambuco de Literatura faz parte de um conjunto de ações estruturantes da política de cultura do estado. Em setembro deste ano, a Secult e Fundarpe já haviam anunciado os vencedores da quarta edição do prêmio, garantindo sua permanência como um dos pilares se sustentação de um plano maior para o setor do livro e leitura, que está em construção. “A anualização do Prêmio Pernambuco é muito importante, pois cria uma agenda para os autores, que acabam se disciplinando em sua tarefa de criação e preparando-se para o edital”, pontua o secretário Marcelino Granja.

A presidente da Fundarpe Márcia Souto destaca que o prêmio fortalece o segmento, e ainda alimenta outras iniciativas de fomento, como o projeto Outras Palavras. Idealizado pela gestão estadual de cultura, o projeto já distribuiu mais de 2 mil exemplares dos livros vencedores do Prêmio para escolas públicas de Pernambuco. “É um política efetiva de fomento à criação e se consolida como um dos prêmios importantes do país para revelar novos nomes da literatura”, destaca Márcia.

Com informações do Portal Cultura PE

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s